terça-feira, julho 24, 2007

Fui e voltei, lá só um pouco fiquei

Final de junho e começo de julho estive em SP. Foram uns 20 dias, aconteceu a feira de Patchwork do Senac e aproveitei pra ver meu próprio trabalho exposto, reencontrar amigos, bater perna em feirinhas e sebos e pela cidade, além de respirar um pouco do ar poluido que tanto tava me fazendo falta...

Aproveitei até pra fotografar a linda lua cheia que aparecia no horizonte, já que o avião no qual viajei ficou dando voltinha enquanto chovia sobre Congonhas (nem vou entrar no mérito do perigo de pousar em Congonhas com chuva!).

Minha subrica está cada vez mais linda. Como minha irmã me hospedou nestes dias, eu acordava com ela chamando: "Lia, cadê você?"
Ela está cada vez mais esperta, sapeca e doce, é a época dos famosos "dois terríveis anos". Pena que passe tão rápido, ainda bem que passa tão rápido...


Agora já voltei pra vida normal, com direito a trabalho, artes e tudo o mais.
Terminei um pulover em excelente hora, porque o frio aqui não tá dando mole, e estou terminando outras artes em lãs, incluindo um poncho e dois xales (esses acho que demoram mais). Também ajeitei (afinal) o meu ateliê. Descobri que nem tenho tantos ufos (unfinished objects) como eu pensava... Estão aqui empilhadinhos, me olhando. Aos poucos, bem aos pouquinhos, vou dando conta de tudo. Acho! r****

Um comentário:

Anne Summers disse...

e a sobrinha procurou a tia Lia por alguns dias:
Acordava e perguntava, cadê a tia Lia? Onde é a casinha dela?

Já tá na hora de voltar.